segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Amor X Ódio




Amor, sentimento perfeito de emoção envolto em magia e ternura. Um mar de rosas onde o ideal se cruza com a perfeição, onde nada mais existe, além da vontade de partilhar todos os momentos com a pessoa amada... Não há amor eterno, não há! Existem amores que se prolongam pelo tempo, que ultrapassam barreiras e obstáculos, mas... termina. Termina como a nossa vida em dada altura finda, é fácil, é a lei da vida! Porém... aquilo que me deixa reticente é quando esse amor se torna em ódio. Quando o desejo de vingança se apodera de alguém, quando a inveja cega loucamente um corpo inocente, quando a vontade de prejudicar o outro torna-se no lema de vida de alguém... Temam!

Amor e ódio... duas formas distintas de estar na vida, ambíguas, difíceis de entender, de controlar. O verdadeiro sentido de tal sentimentos realça-se na capacidade de cada um em encontrar o equilíbrio e retirar o melhor de ambos.

1 comentário:

silvia disse...

eu sei tao bem o que isso é... e que por sinal me irrita