sábado, 5 de maio de 2012

Seduz-me




Desconheço a cor das lágrimas vertidas em expressões turvas,

Invisual, não mais que a lucidez da visão.

Sou ignorante e apenas sei o significado da repetição.

Protejo os diários manuscritos dentro da memória de cada letra,

E vou rabiscando ao som de ti.

Qualquer coisa que queira ouvir e o teu toque não me diga...

Qualquer coisa que queiras ser e eu o possa viver,

Que possamos sentir espreitando entre passos e ruídos de saudade do tempo.

Ao lado de bancos perdidos no branco de um novo sonho desconhecido,

Qualquer coisa por entre os dedos desenha corpos estendidos num abraço subtil de um beijo.

8 comentários:

João Roque disse...

Abraço grande, cheio de poesia que eu não sei fazer, mas que de ti transborda...

Juliette disse...

Lindo... como aliás, as restantes publicações! :)

Abutrejhone disse...

Como deixar uma mensagem a ti, se nem mesmo consigo deixar uma mensagem a mim, pois procuro palavras que não existem, respostas que se escondem no escuro da alma, por isto vivo, simplesmente existo, sem ao menos saber do porque desta existência, sendo um estranho dentro do meu próprio corpo, as vezes saio a noite e o deixo no leito, minha alma procura seus pedaços, sem perceber que estes não existem, porque já sou completo, entendendo sem entender a minha própria razão de existir.
Abutrejhone um ninguém

. intemporal . disse...

.

.

. como um fôlego de.dentro .

.

. propulsor . :) .

.

.

. trago.Te um abraço de domingo .

.

. mariano .

.

. e ampla.mente respirável .

.

.

*Beebee* disse...

Muito bom!Continue! Bjos :http://beebeeremix.blogspot.com.br/ bjos da ***Beebee***

*Beebee* disse...

Muito bom!Continue! Bjos :http://beebeeremix.blogspot.com.br/ bjos da ***Beebee***

Escrita Online disse...

Para quem gosta e QUER escrever:

http://escrita-online.blogspot.com - a 3.ª edição do Concurso Online de Escrita.

Aventura-te!...

Patrick Dantas disse...

Galera... favor, sigam meu blog, tenho pouquissimos seguidores.

www.mrdantas.blogspot.com