domingo, 20 de novembro de 2011

Perspectivas



Eu, manipulo o seu olhar,
encarnando personagens com alguma relutância,
presumo fazer parte de um espaço presente em ti,
numa atitude coordenada de actos indisciplinados,
num gesto de malabarismos mentais,
como se crê-se, pudesse e fizesse,
e não mais acordar!

Olho os rostos entristecidos que me acompanham,
casuisticamente criados e desfigurados na realidade doentia,
absorvidos numa cidade louca que me suga,
que me desidrata, que me consome o corpo, que me fascina!

6 comentários:

carlos disse...

caro(a) amigo(a) venho com muito carinho te dar os meus parabéns pelo o seu blog.
Eu trabalho com uma empresa da qual através dos nossos serviços você poderá ganhar dinheiro com os seus blogs, não poderei estar imformando a respeito aqui pois seria fora de ética mas si você si enteresar pode enviar um email para carlosmelhoredevida@hotmail.com com o assunto "quero conhecer o sistema de ganhar dinheiro com site,blog entre outras" para começar a ganhar dinheiro não precisa investir nada, estarei aguardando a tua resposta desde já te deseijo um grande sucesso.

Escrita Online disse...

Para quem gosta e QUER escrever:

CONCURSO ONLINE de ESCRITA.

Regulamento já disponível em: http://escrita-online.blogspot.com

Boa sorte!

Um brasileiro disse...

ola. aqui estive para dar uma olhada. muito legal. apareça por la. abraços.

Abutrejhone disse...

Como deixar uma mensagem a ti, se nem mesmo consigo deixar uma mensagem a mim, pois procuro palavras que não existem, respostas que se escondem no escuro da alma, por isto vivo, simplesmente existo, sem ao menos saber do porque desta existência, sendo um estranho dentro do meu próprio corpo, as vezes saio a noite e o deixo no leito, minha alma procura seus pedaços, sem perceber que estes não existem, porque já sou completo, entendendo sem entender a minha própria razão de existir.
Abutrejhone um ninguém

Anónimo disse...

Como deixar uma mensagem a ti, se nem mesmo consigo deixar uma mensagem a mim, pois procuro palavras que não existem, respostas que se escondem no escuro da alma, por isto vivo, simplesmente existo, sem ao menos saber do porque desta existência, sendo um estranho dentro do meu próprio corpo, as vezes saio a noite e o deixo no leito, minha alma procura seus pedaços, sem perceber que estes não existem, porque já sou completo, entendendo sem entender a minha própria razão de existir.
Abutrejhone um ninguém

Anónimo disse...

Como deixar uma mensagem a ti, se nem mesmo consigo deixar uma mensagem a mim, pois procuro palavras que não existem, respostas que se escondem no escuro da alma, por isto vivo, simplesmente existo, sem ao menos saber do porque desta existência, sendo um estranho dentro do meu próprio corpo, as vezes saio a noite e o deixo no leito, minha alma procura seus pedaços, sem perceber que estes não existem, porque já sou completo, entendendo sem entender a minha própria razão de existir.
Abutrejhone um ninguém