domingo, 21 de março de 2010

Sentido


Aquele sentido tão perto,
na minuciosidade de um gesto,
cresce sem fim,
no suspiro do meu amor.
Gritos de paixão que me enlouquecem,
inexplicáveis, despidos de certezas,
do presente que não se esconde,
no ausente de não te ter,
Na vontade de o ser.

*Gosto de ti*

3 comentários:

Anónimo disse...

Saudade de 1as boas palavras assim, de 1sentimento profundo destes, de 1a dedicação tão grande!

Obrigada p permaneceres em mim, p acreditares, p n me deixares!


Gosto!!

*****

pinguim disse...

É tão bonito, tudo isto...

Anónimo disse...

sentir a ausencia de ti
invades o meu pensamento
apoderas-te do meu coração
amo-te muito bebe
beijo nelia